Colação de Grau Remota da Escola de Engenharia dia 29/05/2020

Em decorrência da situação de emergência em saúde pública internacional, causada pela pandemia de COVID-19,  foi promulgada a Portaria nº 1951, de 24 de março de 2020 da Reitoria da Universidade Federal de Minas Gerais,  que estabelece autorização para Colação de Grau de forma remota enquanto permanecer a decretação de emergência em saúde pública em decorrência da pandemia,

convidamos a todos para acompanhar a solenidade de Colação de Grau, que ocorrerá dia 29 de maio de 2020, às 14 horas.

Link para a transmissão pública pelo Youtube: https://youtu.be/PV-16HIi6TU

Mensagem da Diretoria à Comunidade: Aniversário de 109 Anos da Escola de Engenharia

Há 109 anos nascia a Escola de Engenharia! Neste momento tão especial, vimos compartilhar nossa alegria com cada um dos membros da sua Comunidade e agradecer por ajudarem a edificar uma história repleta de desafios e conquistas da nossa Casa.

No dia 21 de maio de 1911, um grupo de ilustres intelectuais reuniu-se na sede da Sociedade Mineira de Agricultura, em Belo Horizonte-MG, para fundar um estabelecimento de ensino superior que seria chamado, em seus primeiros anos de vida, de Escola Livre de Engenharia. Antes mesmo de completar seus primeiros dez anos de criação, a Escola de Engenharia vivenciou a gripe espanhola, que assolou o mundo em 1918, tirando a vida de milhões de pessoas. Passados pouco mais de 100 anos, presenciamos o alastramento do Covid-19 pelo mundo. Nos dias de hoje, como no passado, a Escola de Engenharia da UFMG se uniu a diferentes setores da sociedade no enfrentamento desta pandemia. Diversas equipes de professores, técnico-administrativos em educação e estudantes da Escola trabalham em frentes de combate ao novo coronavírus. A despeito da pandemia, a Escola de Engenharia está completando, nesta data, mais um ano de existência.

A Escola constitui atualmente um dos maiores complexos de ensino e pesquisa de Engenharia da América Latina, ocupando uma área construída de aproximadamente 65 mil metros quadrados no Campus Pampulha da UFMG. É formada por 13 departamentos acadêmicos que atualmente congregam cerca de 300 professores e 150 técnico-administrativos em educação, além de 200 laboratórios e mais de uma centena de grupos de pesquisa altamente qualificados. A Escola mantém 11 diferentes cursos de graduação, sendo 10 ofertas no período diurno e 3 no período noturno, com um total de 505 vagas por semestre, além de 11 programas de pós-graduação em nível de mestrado ou doutorado e vários cursos de especialização. A atual comunidade discente é composta por aproximadamente 5.000 alunos de graduação e 2.500 de pós-graduação. Os cursos sediados na Escola, tanto em nível de graduação, quanto de pós-graduação, estão dentre os melhores e mais bem avaliados do Brasil. A Escola já formou mais de 27.000 Engenheiros, 5.800 mestres e Doutores e 4.000 especialistas.

Desde a sua fundação, a Escola de Engenharia passou por um grande crescimento e uma notável evolução, o que certamente transmitiria aos pioneiros que nos antecederam a percepção de plena comunhão com os seus sonhos e nobres ideais de “confiança na sciencia e no trabalho nacionaes”. Mesmo centenária, nossa Casa está em constante renovação e na vanguarda do conhecimento, pelos novos docentes e técnico-administrativos em educação, pelas atualizações e inovações curriculares, pela criação de novos cursos com ampliação do número de vagas na graduação e pós-graduação, pela geração de novas tecnologias, patentes e produtos alinhados com as necessidades da sociedade, pelas ações de inovação e empreendedorismos com o envolvimento de alunos, além da crescente interação com a indústria e a sociedade. Ciente de que a formação em engenharia inclui contextos técnicos, mas também comportamentais, a Escola vem se tornando, ao longo de sua existência, um espaço de saber cada vez mais inclusivo e solidário, com foco em preparar as pessoas para desempenharem um papel de transformação da nossa sociedade.

A Escola de Engenharia é um belo exemplo de sucesso em sua missão de ser um centro de excelência em ensino, pesquisa e extensão, gerando oportunidades para que cada membro da comunidade acadêmica cresça como pessoa e cidadão, retribuindo à sociedade tudo o que foi aqui investido nesta Escola Pública, Gratuita e de Qualidade, que contribui para o desenvolvimento do Brasil desde 1911.

Por fim, neste mês de comemoração do aniversário da Escola de Engenharia, uma palavra aos formandos das turmas de 1960, 1970 e 1995. Seguindo uma tradição pioneira da nossa Casa iniciada em 1934, a Escola de Engenharia os receberia em maio de 2020 para festejar os respectivos jubileus de diamante, ouro e prata. Infelizmente, face ao necessário isolamento social imposto pela pandemia de Covid-19, este encontro fica temporariamente adiado. Por ora, cumprimentamos cada um de vocês, nossos egressos que ajudaram a construir a história da Escola de Engenharia. Em breve esperamos revê-los junto com os seus familiares!

A Escola de Engenharia em ação, esta é a nossa vocação!

 

Belo Horizonte, 21 de maio de 2020.

Um forte e afetuoso abraço,

 

Professor Cícero Murta Diniz Starling

Diretor da Escola de Engenharia

 

Professor Luiz Machado

Vice-Diretor da Escola de Engenharia

ENGENHARIA EM AÇÃO NOVO CORONAVÍRUS – COVID-19

ENGENHARIA EM AÇÃO

NOVO CORONAVÍRUS – COVID-19

Diante da pandemia da Covid-19, causada pelo novo coronavírus, a Escola de Engenharia (EE), em sintonia com a Reitoria da UFMG, vem tomando diversas providências para manter as atividades essenciais da Unidade. Logo que os primeiros casos de Covid-19 foram confirmados no território nacional, a Diretoria da EE constituiu um comitê visando passar informações, orientações e tirar dúvidas da comunidade ante ao difícil momento vivido por todos nós. O grupo é formado por uma professora, um professor, um técnico-administrativo em educação da Seção de Manutenção e Apoio Logístico e uma estudante da EE, podendo ser contatado no e-mail:

comitecoronavirus@eng.ufmg.br

Desde a suspensão das aulas presenciais na UFMG, ocorrida em 18 de março, e a conversão das atividades administrativas para a forma remota em regime de home office, iniciada em 23 de março, a Diretoria, Chefias e Coordenações da EE permanecem em vigília, trabalhando dia e noite para garantir o funcionamento básico de todos os setores e a segurança da nossa casa. Além deste informativo “Engenharia em Ação”, que será atualizado na medida em que novas e importantes notícias surgirem, o site abaixo da UFMG está disponível para a nossa comunidade e sociedade em geral, contendo diretrizes, recomendações, esclarecimentos e links para órgãos municipais, estaduais e nacionais e para a Organização Mundial da Saúde (OMS):

https://ufmg.br/coronavirus

Diretoria da EE e os setores administrativos a ela ligados, bem como as Secretarias dos Departamentos e Colegiados de Cursos de Graduação e Pós-graduação, o Centro de Graduação e a Central de Oportunidades vêm mantendo diversas rotinas de trabalho, tais como a manutenção da rede de internet e o controle de acesso na EE, as assinaturas de estágios curriculares e as tramitações de processos de compras, pagamentos e controle de bens patrimoniados. De uma forma geral, projetos de pesquisa e extensão continuam em andamentos, assim como novos projetos continuam tramitando nos âmbitos da EE, UFMG e fundações de apoio, como a FCO e FUNDEP. Reuniões imprescindíveis foram e/ou estão sendo realizadas por meio de vídeos conferências, como defesas de mestrados e teses já agendadas, processos de promoção funcional de docentes, reuniões de colegiados da EE e de equipes de trabalho em geral. Os porteiros da UFMG permanecem em seus postos, bem como os profissionais da segurança continuam realizando rondas frequentes nas ruas e prédios da UFMG. Serviços de limpeza e cuidados mínimos essenciais para manutenção das Unidades e outras áreas estão sendo conduzidos com as pessoas trabalhando por escalas, divididos em turnos matutinos e vespertinos. Um cuidado especial foi tomado em relação aos funcionários terceirizados com 60 anos ou mais e/ou portadores de comorbidades, que se acham em regime de quarenta em suas casas.   

Membros dos corpos docente, discente e técnico-administrativo em educação da EE estão atuando em diferentes frentes de trabalho no combate ao novo coronavírus. A seguir apresentaremos algumas iniciativas a título ilustrativo.

O INCT ETEs Sustentáveis (Estações Sustentáveis de Tratamento de Esgoto) divulgou uma nota técnica fundada em um artigo publicado pela renomada revista Lancet Gatroenterol Hepatol (Vol. 5, abril/2020), alertando sobre a possibilidade de transmissão feco-oral da Covid-19 no período de duração da pandemia, pois uma enorme carga viral pode estar sendo despejada nos rios, fato que se agrava dada às precárias condições sanitárias de muitas comunidades do Brasil. O INCT ETEs Sustentáveis, em parceria com a COPASA, IGAM (Instituto Mineiro de Gestão das Águas), SES (Secretaria Estadual de Saúde de MG) e ANA (Agencia Nacional de Águas), está desenvolvendo o projeto “Detecção e Quantificação do Novo Coronavírus em Amostras de Esgoto das Cidades de BH e Contagem”. Maiores informações podem ser obtidas no site do INCT:

https://etes-sustentaveis.org/

Um grupo de docentes do Departamento de Engenharia de Produção da EE, em parceria com outros pesquisadores do NESCON (Núcleo de Educação em Saúde Coletiva), desenvolveram um modelo matemático capaz de simular a disponibilidade de leitos hospitalares em todos os estados brasileiros e no DF durante a pandemia do coronavírus. O modelo é dinâmico e produz novos resultados à medida que é alimentado com dados atualizados do Ministério da Saúde. Informações sobre a previsão de disponibilidade de leitos em função da pandemia de COVID-19 podem ser obtidas no link:

https://labdec.nescon.medicina.ufmg.br/

O grupo de pesquisa do Laboratório de Inteligência de Máquina e Ciência de Dados (MINDS), ligado ao Departamento de Engenharia Elétrica da EE, está desenvolvendo um software capaz de identificar padrões viróticos associados a síndromes respiratórias viróticas (COVID-19, MERS, SARS e H1N1) e de infecções bacterianas. A metodologia, que visa reduzir o tempo de realização de um laudo médico, consiste, primeiramente, na aplicação de um algoritmo classificador de aprendizado de máquina em bases de dados de radiografias e tomografia computadorizada. Em seguida, o software auxilia o profissional de saúde a identificar a causa da doença. Maiores informações podem ser obtidas no site do MINDS-Lab:

https://minds.eng.ufmg.br/

Um grupo de estudantes e um professor do Centro de Tecnologia da Mobilidade (CTM), sediado no Departamento de Engenharia Mecânica da EE, vem trabalhando no desenvolvimento de um ferramental para fabricação de viseiras de proteção (máscaras em acrílico) para profissionais de saúde que atuam no tratamento de pacientes com a COVID-19. O grupo atua ainda em um projeto com vistas ao compartilhamento simultâneo de um mesmo respirador artificial entre dois pacientes.

Pesquisadores vinculados ao Departamento de Engenharia de Produção da EE, em parceria com a Faculdade de Educação e o Coltec, propuseram um estudo com foco em duas linhas de ação: a recuperação de respiradores artificiais dos hospitais de Minas Gerais e a manutenção evolutiva desses aparelhos visando aumentar a taxa de disponibilidade e a redução de falhas frequentes.

Um grupo de pesquisa ligado ao Departamento de Engenharia Eletrônica da EE propôs um projeto que utiliza robôs para realização de tarefas que minimizem a necessidade de contato físico entre pessoas, ou para atuar em ambientes hospitalares contaminados por agentes patogênicos. O projeto visa principalmente a descontaminação de agentes patogênicos, como o coronavírus, em áreas hospitalares valendo-se de robôs equipados com dispositivos de iluminação ultra-violeta.

Por fim, uma palavra aos estudantes da EE. Cuidem de vocês, dos seus pais e avós. Mantenham-se ativos fisicamente. Há inúmeros exercícios físicos que vocês podem fazer em casa: danças, agachamentos, subida e decida de escadas, yoga e alongamentos. Durmam em horários regulares, evitando trocar o dia pela noite. Alimentem-se de forma saudável e balanceada. Mantenham-se ativos intelectualmente, pois isso será fundamental para a retomada com mais energia às rotinas das aulas. Usem o tempo de distanciamento social para revisar os pré-requisitos das disciplinas do semestre, sobretudo daquelas que vocês sentem mais dificuldades. Mirem-se nos exemplos de pessoas que, durante longos períodos de isolamento, promoveram grandes transformações em suas vidas e até mesmo no mundo. Em 1665, a Universidade de Cambridge suspendeu as aulas em razão da epidemia da peste bubônica que assolava a Inglaterra. Um dos estudantes era Isaac Newton, que tinha apenas 23 anos à época. Recolhido na fazenda de sua família, o jovem Newton criou o cálculo diferencial e integral, a teoria da gravitação e estabeleceu as três leis fundamentais da dinâmica. Um ano depois, os estudantes voltaram para Cambridge e retomaram a vida acadêmica habitual. A UFMG e o mundo também voltarão ao normal!

Parafraseando os versos da canção “Somos todos iguais nesta noite”, de Ivan Lins e Victor Martins, nós vivemos debaixo do pano, estamos sob o mesmo céu e compartilhamos do mesmo ar. Em breve, estaremos de volta ao picadeiro: a nossa Escola de Engenharia.

Belo Horizonte, 14 de abril de 2020.

Diretoria da Escola de Engenharia da UFMG

Nota técnica COVID-19

Introdução

Desde o surgimento do primeiro caso de infecção pelo novo corona vírus na China, ocorrido em
08/12/2019 até o surgimento do primeiro caso comprovado no Brasil, passaram-se cerca de 2,5
meses. A Tabela 1 mostra a linha do tempo com os principais eventos desde o surgimento dos
casos na China até a comprovação do primeiro caso no Brasil.

Para continuar a  leitura, clique aqui.

O modelo desenvolvido é dinâmico e produz novos resultados à medida que é alimentado com novos dados do Ministério da Saúde. Informações atualizadas sobre a previsão de disponibilidade de leitos em função da pandemia de COVID-19.

Para mais informações, clique aqui.